Pular para o conteúdo

A iniciativa tem como meta diminuir drasticamente a taxa de analfabetismo em Mato Grosso, alfabetizando cerca de 11.200 jovens, adultos e idosos, até dezembro de 2018.

O curso tem duração de 270 horas, distribuídas em seis meses, com carga horária mínima de 10 horas semanais.

A Seduc garante a formação de coordenadores e de formadores de turmas, o custeio de bolsas aos alfabetizadores, material pedagógico, lanches para os alfabetizandos, a cessão de salas de aulas em prédios do Estado e demais necessidades.

A ação, coordenada pela Secretaria Adjunta de Políticas Educacionais, é desenvolvida em parceria com as prefeituras municipais, igrejas, sindicatos, clubes de serviços, sindicatos rurais e outros segmentos organizados da sociedade mato-grossense.

A palavra “muxirum”, muito comum no linguajar cuiabano, é de origem tupi e significa “mutirão”, “fazer juntos”.

 

Os municípios atendidos pelos projetos (2017 e 2018) do programa são:

Alto Paraguai (2018)

Arenápolis (2018)

Bom Jesus do Araguaia (2017 e 2018)

Barão de Melgaço (2017)

Brasnorte (2017 e 2018)

Campo Verde (2017 e 2018)

Chapada dos Guimarães (2017 e 2018)

Confresa (2017 e 2018)

Denise (2018), Diamantino (2018)

Ipiranga do Norte (2017 e 2018)

Jangada (2017 e 2018)

Nobres (2017 e 2018)

Nortelândia (2018)

Nossa Senhora do Livramento (2017)

Nova Brasilândia (2017 e 2018)

Peixoto de Azevedo (2018)

Planalto da Serra (2017)

Porto Alegre do Norte (2017 e 2018)

Porto dos Gaúchos (2017 e 2018)

Rosário Oeste (2017 e 2018)

Santa Rita do Trivelato (2018)

Santo Afonso (2018)

Sinop (2018), Sorriso (2018)

Várzea Grande (2017 e 2018)

Vila Rica (2017)