Pular para o conteúdo
Voltar

A importância do lúdico para o desenvolvimento da criança

Voltar para lista de Artigos

                                                                                       Admilson  Nelson dos Santos


                                                                                         Graduado em Química


                                                                       Professor da Escola Irene Gomes de Campos


                                                                                 Madalena Rodrigues Vieira                                                                                                                                                                                                                        Graduada em Ciências da Matemática


                                                                      Professora da Escola Irene Gomes de Campos


                                                                                Maria Bom Despacho Ferreira


                                                                                         Graduada em Ciências Biológicas


                                                                     Professora da Escola Irene Gomes de Campos


                                                                                        Marilene Antonia de Lima


                                                                                        Graduada em Ciências Biológicas


                                                                      Professora da Escola Irene Gomes de Campos


 

 

 

           Para   desenvolverem  e participarem ativamente do mundo em que   vive,  a  criança  precisa  brincar, pois  brincando  a criança  desenvolve seu senso   de  companheirismo ,  sua   auto-expressão ,  sua   auto-estima, sua autoconfiança e autonomia.

          Brincando  a  criança  se sente estimulada a experimentar,descobrir , criar  e   aprender.    Além  disso, brincar  é  um  direito  garantido  por  lei: Capítulo  IV-  Do  direito à  educação,  à  cultura  e  ao  lazer- Artigo  59,  do  Estatuto da Criança e do Adolescente.

         As atividades lúdicas contribuem  para o desenvolvimento da criança,   pois   colabora   na  sua  formação  de homem  autônomo,  na participação   comunitária,   em  seu  desenvolvimento    pessoal  e    consequentemente   no desenvolvimento de uma auto-estima satisfatória.

         Quando   (   Samples  1990,   p. 24  apud  Costa,  2004  )   refere-se  ao brinquedo,   evidencia  tal   experiência   por  parte da criança como sendo essencial ao seu crescimento   físico  e psíquico e totalmente desvinculado ao que os adultos consideram  como  certo   ou errado dentro do processo de aprendizagem.

         Brincando  a   criança   aprende  a   conviver, a  esperar  por    sua vez, aceitar  regras, independente  do  resultado, e a lidar com frustrações sem deixar  que  isso interfira na sua vida.  Além disso a criança desenvolve sua linguagem, pensamentos,atenção, concentração, conseguindo, assim uma  participação satisfatória da criança na construção do seu conhecimento. Através  de  livros  de  literatura infantil ela conhece diversos personagens,  possibilitando e ampliando sua compreensão  sobre  as  diferentes  formas de  se relacionarem com o mundo ao seu redor, identificando seu papel na sociedade na qual está inserida.

         As  brincadeiras  e  jogos  fazem  a  criança  crescer, pois  proporciona na   maioria  das   vezes  , ou  senão  em  todas  as  ocasiões,  a  procura  de soluções e de alternativas  para  desenvolverem de forma prazerosa o que lhe é proposto . Estudos  psicológicos e educacionais  revelam que  brincar é  fundamental   para   a construção  do  pensamento e   para aquisição de conhecimento  pela  criança, pois além de contribuir para que ela aprenda a se expressar e a lidar com suas próprias emoções, a brincadeira contribui para o desenvolvimento da auto-estima.

         As relações  cognitivas e afetivas  a partir da  ludicidade, promovem o amadurecimento   emocional,  o  desenvolvimento    da  inteligência  e   da sensibilidade da  criança,  garantindo   assim  que  suas  potencialidades  e afetividades se harmonizem.

         O  lúdico é tão   importante   para  o desenvolvimento da criança, que merece atenção  por  parte  de  todos  os  educadores. Cada criança  é um ser   único,com  anseios, experiências e  dificuldades  diferentes. Portanto nem sempre um  método  de  ensino atinge a todos com a mesma eficácia. Para    pode    garantir    o   sucesso    do   processo   ensino-aprendizagem  o  professor deve utilizar-se dos mais  variados    mecanismos   de   ensino,    entre  eles  as   atividades   lúdicas.   Tais     atividades    devem     estimular   o   interesse ,  a     criatividade ,   a   interação, a  capacidade  de observar, experimentar, inventar e relacionar conteúdos  e conceitos.  O   professor  deve-se    limitar  apenas  a   sugerir,  estimular   e   explicar,   sem   impor,  a   sua   forma  de   agir,   para    que   a   criança   aprenda  descobrindo   e   compreendendo    e    não    por    simples   imitação.    O   espaço   para   a  realização  das  atividades,  deve   ser   um ambiente  agradável, e   que  as crianças possam se sentirem descontraídas e confiantes.

         As  crianças  aprendem  com maior eficácia a  partir do momento que elas   sentem  prazer  em    aprender.  Nesse  sentido,  espera-se   que    os   educadores    reflitam   e   reconheçam   a  importância  que as   atividades   lúdicas têm em assegurar  a   eficácia  do   processo  ensino-aprendizagem.

 

Referências Bibliográficas

BECKER, FERNANDO. Da ação à operação: o caminho da aprendizagem em J. Piaget e P. Freire. 2º Ed., Rio de Janeiro:   DP &  A  Editora e  Palmarinca , 1997.

COSTA,SUZY. Multimeios. Produção de Material Ludopedagógicos. Várzea grande, novembro de 2004 : Material apostilado do Curso de Especialização em Educação Especial do Instituto Várzeagrandense de Educação.

Lei de Diretrizes e Bases da Educação - InfoEscola    LDB : Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional : lei no 9.394, de 20 de dezembro de 1996

LIBÂNEO,JOSÉ CARLOS.    Didática. São Paulo, Cortes, 1994

Parâmetros Curriculares Nacionais          B823p Brasil. Secretaria de Educação Fundamental.Parâmetros curriculares nacionais :  Secretaria de Educação Educação Fundamental. Brasília : MEC/SEF, 1997. C/SEF, 1997.

____  ,Secretaria de Educação Especial. Conjunto de materiais para a capacitação de professores: necessidades na sala de aula. Brasília: MEC-SEESP,1998