Pular para o conteúdo
Voltar

Escola em Várzea Grande recebe reforma completa após três anos de espera

O diferencial fica por conta da quadra poliesportiva que será coberta, construção de um anexo com vestiários e banheiros para PCD.
Adilson Rosa | Seduc MT

A reforma está dentro do cronograma traçado. - Foto por: Christiano Antonucci
A reforma está dentro do cronograma traçado.
A | A

A Escola Estadual Arlete Maria da Silva, no Bairro Asa Bela, em Várzea Grande, passa por reforma geral. A obra estava parada há três anos e foi retomada no final de 2019. O Governo do Estado está investindo o valor de R$ 2,3 milhões para a realização da obra. Serão beneficiados 980 alunos, do 4º ao 9º do ensino fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

A escola terá cobertura de telha trapezoidal termoacústica, substituição do madeiramento do telhado por estrutura metálica, troca de forro, pintura geral e troca de piso, que será de porcelanato.

Serão 11 salas de aula, execução de biblioteca integradora, reforma dos banheiros, construção de banheiro para funcionários e para pessoa com deficiência (PCD), além de dependências administrativas.

A obra inclui também revisão total das instalações elétricas da escola, assim como instalações hidrossanitárias dos banheiros masculino e feminino, vestiários.

A reforma contempla também a construção de novos sistemas de tratamento de efluentes sanitários. Terá a construção de nova caixa d’água elevada e cisterna, prevenção e combate contra incêndio e pânico e SPDA.

O diferencial fica por conta da quadra poliesportiva que será coberta, construção de um anexo com vestiários e banheiros para PCD.

Para a diretora Maria Fernanda de Miranda Gazeta, a reforma na unidade escolar é um avanço. “Vamos ter uma quadra completa, coberta, com arquibancadas ao nível de nossos alunos. Depois desse recomeço, vamos aguardar o término, a entrega de uma nova escola”, comemora.

O assessor pedagógico Denilson Soares da Silva destaca que as obras estão em andamento e a expectativa da comunidade é pela conclusão da obra. “Dá gosto de ver o trabalho evoluindo. Ainda mais que vai atender o bairro Asa Bela e região. É importante o aluno chegar na escola e ter um espaço escolar atraente e motivador”, destaca.





Editorias